quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Me aceite

Quero um buquê de flores de plástico no meu aniversário.
Quero teus sonhos junto com os meus,
colados numa mesma parede,
ao lado de umas plantas penduradas,
com raízes soltas na vida,
igual a gente aquele dia,
voltando da sua casa
semana passada.
Olha só,
acabei ficando por lá mesmo
porque a paisagem era mais bonita,
da que eu vejo lá de casa.
Aquela vista
não me lembrava nada,
mas lá,
na sua,
eu vejo mil coisas.
Coisas legais.
E fiquei por lá.


Nenhum comentário:

Postar um comentário