segunda-feira, 7 de outubro de 2013

A incrível vida da puta mal amada versão clean

Pare de agir como uma puta mal amada.
Tá, eu sei que você está mal amada, 
mas nem por isso o mundo precisa saber disso.
Primeiro porque o mundo não quer saber mesmo,
e segundo porque ele não se importa.
Não seja uma puta mal amada.
As putas ficam ofendidas com isso.
Seja apenas mal amada então.
Mas para de drama.
Ninguém liga se ele não te ama.
Os homens querem mesmo um esquenta barriga e seios bonitos.
Se não tiver seios bonitos não tem magia.
Porra, porque eu tô falando "seios"?
É peitos mesmo!
No dia em que um homem chegar em ti dizendo que você tem "seios bonitos",
pode ter certeza que ele quer seu sutiã emprestado
e não colocar a mão e a boca nos seus "seios".
Não existe seios para os homens.
Existe peitos.
E eles tem que ser bonitos
e com gosto de cereja...
ou cerveja.
A questão é:
pare de sofrer por esses idiotas!
Eles não amam!
Eles são idiotas.
São experts em agirem como idiotas.
Eles não vão te puxar de canto e te dar um beijo apaixonado.
No máximo vão olhar a sua bunda quando você se levantar e for buscar um café.
Vai se acostumando gata,
a vida tem dessas.
Enquanto você pensa em beijos de cinema, abraços apertados e sorrisos inocentes,
eles pensam em "Nossa, como esse jogo tá caro!", "Nossa, que fome mano.", "Nossa, eu gosto dela também mas como sou idiota não vou demonstrar isso e vou pensar nos meus jogos e na minha fome".
É normal isso.
Acostume-se.
É sério isso o que estou te dizendo.
Primeiro porque ele nem te responde pelo Facebook.
Segundo porque a vida é uma bosta mesmo.
E terceiro porque há outros "seios" bonitos por aí para serem olhados.
Agora olha pra mim,
para de chorar caralho!
Além de puta e mal amada é sensível também?
Deixa pra chorar quando chegar em casa,
não agora.
Aí você já aproveita a deixa e come uns chocolates.
Sabe aquela comédia romântica com o Zac Efron?
Então, aproveita e já assiste também.
Faz a sessão de terapia inteira.
Depois vê se acorda pra vida.
E vê se aprende também que vida não é romance,
é putaria.
E putaria não se faz com putas mal amadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário