sábado, 14 de agosto de 2010

Rastros de Sangue[Futura música,presumo]

Mãos erradas escrevem um outro caminho
e enquanto eu estiver viva por dentro os males por fora não afetarão meu coração
mas meu corpo estará destruido...
Mas mesmo assim eu ainda terei fé.
As lágrimas quebraram o chão e suas rosas murcharão de tanta mentira
palavras não ditas,medo da ações vindas
Na escuridão,te encontrarei
na Luz me ajoelharei e direi:
-Minhas feridas se curaram,e as palmas das minhas mãos serão pregadas assim como jugaram Teu coração!
Quero ser posta a prova,e meu escudo será Teu sangue
Sim,tal sangue que deixou rastros em meu caminho
o mesmo sangue que escreveu meu destino,
caminho que eu seguirei e na última letra do Carpe Diem te encontrarei.
Velha estrada de longa data
espinhos lembraram Teu nome,
e se levantaram...poderão andar e tambem falar que está salvo de todo horror vivido na terra perdida
os fiés se levantaram e caminharam pela estrada feita
suas vozes irão dizer o que muitos nunca sentirão
Tua pureza reinará em meu ser
Tua ceia estará servida e os unicos que ceiaram, são aqueles que clamarem Teu nome.

Um comentário: